segunda-feira, 21 de junho de 2010

½ não sou eu


Não consigo ser metade.
Ou sou por inteiro, ou não sou.
Não me queira pela metade.
Sou dos pés a cabeça ou nem um fio de cabelo.
Se não for pra me fazer voar bem alto, nem tire meus pés do chão.
Não me peça para te amar pela metade.

Você me ama pela metade. E a outra metade, aquela que você não ama, se aborrece de tanto amor.
Você me olha pela metade. E a outra metade, aquela que você não enxerga, é muito mais bonita, mais elegante e mais charmosa. Azar o seu que não enxerga.

Cansei de ser metade. Quero a parte inteira do que sou.
Metade é ingresso de cinema. Metade é da laranja.

Eu sou inteira, você é metade!
 

3 comentários:

  1. Que lindo Má... Azar mesmo o de quem não nos enxerga por inteiro. Bj

    ResponderExcluir